quinta-feira, 17 de junho de 2010

Aprender

Um dia em tempos atrás, fui assim.Feliz. Sorri. Sorria inocente. Sorria para a vida de forma aberta e desdramatizada numa espontaneidade tremenda. A felicidade reinava então no meu coração. Era constante por todo o meu corpo, que eclodia em movimentos de êxtase. Desenhava sorrisos, esboçava alegria, que dava e vendida. O ambiente no ar era leve e fluído sem sinais de poluição. Ainda carrego lampejos de tais momentos. Hoje sou apenas uma pálida e ténue imagem. Fotocópia a preto e branco, do que fui a colorido. Sou um quadro pousado numa parede à espera de ser contemplado. A espera é angustiante. Tolda-me os movimentos, teima em tentar-me abater.

Mas um dia, bem, um dia, vou voltar a dislumbrar luz, no meio de toda esta sombria escuridão. Vou descobrir um raio de esperança nas profundezas dos recantos da alma ferida. Bem no fundo do túnel. Mesmo de rastos, arrastar-me-ei até lá, mesmo que me faça doer os joelhos, sangrar. Nesse dia treparei a pulso o pico desse cume até que o oxigéneo puro me preencha novamente e se instale em mim. E lá bem do alto, vou voltar a esboçar novamente o meu maior sorriso. E aí nada mais irá importar. Todas as recordações irão esfumar-se, transformar-se no nada que sempre foram. Agora tenho a certeza que nunca existiram, um facto consumado.

Um dia vou voltar a ser feliz, mesmo contra tua vontade. Mesmo que teimes em me magoar. Eu vou conseguir. Amanhã vou renascer como fénix que avista novamente a luz do dia. Estrear um novo Eu, e levá-lo a passear, como quem enverga um novo fato. Imaculado para que não seja mais, nunca mais, usado e maltratado como nas tuas frias mãos foi.

15 comentários:

FTD disse...

Mais uma vez, identifico-me e adoro:)

FTD disse...

Vou ler agora este post:) um relógio digital tem uma certa magia, deve ser da nostalgia que carrega com ele, principalmente se for casio:P mas acho o Adidas uma boa opção:)

Rebelde disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rebelde disse...

@: FTD: Muitíssimo obrigado por gostares assim tanto, limito-me a transmitir o que vive cá dentro. Infelizmente, não são os sentimentos mais felizes. Mas o que fazer. :)

Também concordo, que a nostalgia está presente supremacia nos relógios digitais. O Casio é qualquer coisa. Mas olha que o Adidas, não lhe fica nada atrás. ;)

Philipa C. disse...

"E lá bem do alto, vou voltar a esboçar novamente o meu maior sorriso. E aí nada mais irá importar."
Só é preciso ter vontade e acreditar que é possível. E eu acredito que vais conseguir voltar a ser feliz :)

Beijinho!

incógnita disse...

Com o tempo tudo se resolve, com o tempo a felicidade volta =)

Elo disse...

Isto por aqui está pesado.

Elo.

Carmen Beatriz disse...

LINDO ^.^! Escreves muito bem,parabéns :)!

beijinho*

S* disse...

Mau maria!

Tu és jovem, tens uma vida pela frente... trata de ser feliz.

Ana Sofia disse...

Espectacular (uma vez mais).
Deixa o tempo fluir, nao apaga mágoas mas ajuda a cicatrizar as feridas (:
Beijinho.

Wanderley Elian Lima disse...

Um grande desabafo. Nada como um dia após o outro, amanhã com certeza há de ser outro dia, cheio de esperanças e sorrisos.
Grande abraço

Mafalda disse...

Voltaste grande:)

Rebelde disse...

@Philipa C.: Acreditar é a palavra-chave. Vontade é imensa de sair do estado e local onde me encontro. Muito obrigado pela confiança, e por acreditares em mim. Toda a força é importante e fulcral neste momento! :)

@incógnita: Quero acreditar que sim, mas parece-me tão distante, e tão pouco provável o surgimento dessa felicidade. Mas não posso deixar de acreditar. Parar é morrer.

@ Elo: Pesado, é pouco. Está um caos tremendo...

@Carmen Beatriz: Muito obrigado. :) É sempre bom receber elogios desses calibre, de quem nos gosta de ler. Obrigado!

@ S* disse: Bahhh. Oh S, era tão bom que tudo fosse tão fácil, tão linear, mas vou acreditar que um dia essa felicidade irá porventura chegar. Quando o céu ficar menos nublado talvez. Obrigado pela força. :)

@Ana Sofia: Oh muito obrigado, com tantos elogios, tenho que me sentir satisfeito. É isso que tento sofrer, vou sofrendo em silêncio, dia após dia, deixando as feridas irem cicatrizando aos poucos. O tempo vai passando, demasiado lentamente. Mas tenho que me manter em pé, ou pelo menos tentar.
Beijinho

@Wanderley Elian Lima: Mais do que grande sentido, um grito mudo carregado de sentimento. Espero que de facto amanhã seja um novo dia de sorrisos raíado a esperença.
Um grande abraço!

@ Mafalda: Voltei, mas não me sinto grande, nem grande coisa. Sinto-me pequenino, mas espero crescer em breve, e voltar a sorrir para a vida, muito obrigado. :)

*flor* disse...

Hoje stou triste,
stou triste. - Fernando Pessoa

'Hoje
stou triste, stou triste.
Starei alegre amanhã...
O que se sente consiste
Sempre em qualquer coisa vã.

Ou chuva, ou sol, ou preguiça...
Tudo influi, tudo transforma...
A alma não tem justiça,
A sensação não tem forma.

Uma verdade por dia...
Um mundo por sensação...
Stou triste. A tarde está fria.
Amanhã, sol e razão.'

Amanhã estará sol!! ^^,

beijinho*

PurpleSu disse...

o sorriso é sempre uma arma contra a escuridão. pratica-o sempre que puderes. sente o sol, sente a amizade, sente o mar.. ou o que te der prazer..

beijos